sábado, abril 05, 2008

(em) descoberta








" i wonder if i've been changed in the night?
let me think. was i the same when i got up this morning?
i almost think i can remember feeling a little different.
but if i'm not the same, the next question is
'who in the world am i?'
ah, that's the great puzzle!
"

(lewis carroll, alice's adventures in wonderland)


















..






abrando o tempo.

o corpo obriga-me a olhar a alma.






olho quem sou

de olhos abertos.





não vou passar
perder
mais
(o) tempo
a esquecer
o que esquecer
nada trará.


por mais a dor de ir
sem poder deixar caixa,
água,
redoma.







sorrio à vida.


ao que nela existe
em verdade
e justiça.




lembro o que quero.

o que amo.



e sigo em frente.



con_tudo.


devagar.


sem correr.


sem correr mais.



sem correr senão para sentir no corpo
o vento que me sorri vida e mar.



sabendo
tão só
tão fundo
o tudo que me é embalo de voar.









































...












" 'everything's got a moral, if only you can find it'.
and she squeezed herself up closer to alice's side as she spoke. "


(lewis carroll, alice's adventures in wonderland)





(imagem primeira: day will come, de haleh bryan
imagem última de gundega dege)

25 comentários:

Sandrinha disse...

"O que não tem remédio, remediado está!" como diz a minha mãe.
E é por isso que a vida continua...

@-,--

Beijinhos

curse of millhaven disse...

essa decisão aparentemente simples e lógica encerra uma enorme coragem... força amiga, mta força.

Atlantys disse...

Segue sempre em frente, nem depressa nem devagar simplesmente no ritmo que é o TEU ;-)
E uma boa semana já agora =)***

Girstie disse...

Há quem descanse, há quem trabalho como pelos vistos foi o nosso caso.
É da maneira que a cabeça se distrai...

um Ar de disse...

É curioso mencionares Lewis Carroll e Alice...

Não percebi, ainda, porque ficaste confinada a uma estranha imobilidade do teu corpo [que te faz aproximar de um auto-conhecimento "outro"].

Mas quem me dera poder dizer que teria o "tempo", para parar e pensar um pouco...

Desejo-te um bom regresso, do outro lado do espelho!...

[BEIJO]

L.Reis disse...

...assim me cresçam as asas...

Carla disse...

...e assim me apeteceu seguir em frente com a beleza das tuas palavras

Dalaila disse...

de va gar
an dar
vi ver
para sentir
para estar
para não tropeçar

Rui disse...

Lembrou-se a meio do voo que tinha deixado as asas em casa. Já lhe era natural a arte de planar.

Maria Laura disse...

Do amor à vida. Mesmo devagar. Que seja!

magarça disse...

A dor também faz parte dos nossos mellhores sorriros.. as tuas palavras apaziguaram-me.

un dress disse...

atrav e ss ar








beijO

Baudolino disse...

Nós, os espelhos, os espelho e nós... Há sempre o outo lado, de nós, e do espelho...
Abraço
P.

adam brown disse...

Hello I just entered before I have to leave to the airport, it's been very nice to meet you, if you want here is the site I told you about where I type some stuff and make good money (I work from home): here it is

Graça Pires disse...

Embalo de voar. Os sonhos têm asas.
Um beijo.

Ad astra disse...

sem correr...devagar, cada passo, cada lufada de ar

carinhoso e terno beijo

~pi disse...

ir hesitar

assim sa ir

as sim

voltar

Ad astra disse...

Bom fim de semana amiga, um beijinho para ti

Ruela disse...

voar nas asas do desejo...

K disse...

corro, corro mas nunca me canso...do que é meu!

um Ar de disse...

[In]memoriam...

Sim...

Também sei.
.
.
.
Hoje
Aqui

Muitas
Nuvens
Altas
Brancas
.
.
.
[BEIJO]

Anónimo disse...

Cresce-se sofrendo, ou sofre-se crescendo?...

xxxxx

M_d_O_M

Stella Nijinsky disse...

Oi Nana,

convém que assim seja, sem correr senão pra sentir no corpo o vento a vida e o mar,

sem agastamentos.

Um beijo

Stella

Post-It disse...

SIM
Cuidar de ti
de nós
que ficamos
:)

Ad astra disse...

mais um beijinho para ti