domingo, julho 08, 2007

in-between.

passeio a vida nas palavras que sinto
no tremor que confesso
e me torna o rosto incolor
o sonho ténue
os olhos mornos
de mim.


mostro
me
em silencio
a quem
perto
me quer
tanto.
sem mais nada.

cubro
tudo
de palavras
a quem
longe
tanto
me quer.

mas.
























(desafio.
me.
- se o dia acabasse
pela manha
de que cor
a saudade

do sol na pele
da pele nos outros
do mar vivido
do sonho de ti?)







......











...










“yo llore porque no tenia zapatos
hasta que vi un niño que no tenia pies”


oswaldo guayasamin





.













(imagem: llanto, de guayasamin)

9 comentários:

MNN disse...

Às vezes um "mas" é um ardil do diabo...

xana disse...

...

(tenho um prémio para ti... parece necessário que as nomeações prossigam no feminino...)

...

:) sorrisos:)

joaninha disse...

os teus post surpeendem me sempre! :)

*beijinho*

un dress disse...

farrapos de vida

farrapor de mar.mar...


ma ru lhoS




beijO ~~

inominável disse...

nem tudo são farrapos... para uma menina de trapos como eu, de vários retalhos feita...

eu... disse...

lindo... ainda bem que voltaste... cheia de energia
um beijão

ALEXIA disse...

Um beijinho grande para ti

un dress disse...

des nu dada. menTe ...





beijO :)

delusions disse...

"de que cor a saudade"?


um post intenso...como sempre...

bjinho* bom resto de semana