sexta-feira, março 02, 2007

livres.


vinha com a menina dos olhos de mel rua abaixo, passámos a praça da ALEGRIA para acabar na avenida da LIBERDADE.

(gosto muito dos nomes de algumas ruas de lisboa (acredito que os haja um pouco por todo o portugal, mas falo do que me é mais perto, do que sei assim, de coração)... há coisa mais bonita que dizer que se mora na rua da esperança, na praça da alegria, avenida da liberdade ou praça 25 de abril?.........)

pelo caminho ela falava-me do envolvimento do meu pai no PREC, que eu desconhecia, mas que me encheu assim de um orgulho bem especial.
mais um.

disse-lhe adeus e pus-me a caminho do metro.
chegada aos restauradores, dei comigo no meio da preparação de uma manifestação, marcada para hoje pela cgtp...
nem de propósito.















e foi bom de sentir,
o calor da gente minha
o burburinho das vontades
o cheiro a vida
a força sanguínea
daquela
humanidade
toda
ali junta
em revolta
mas
e
também
camaradagem.















e
de lágrimas nos olhos
respirei a liberdade.

8 comentários:

Anónimo disse...

_ _ _ miga, 'cê anda escrevendo coisas tão uindas, eu já tinha falado procê?! ;-)

xxx
Tzinha

Anónimo disse...

... E eu acho que devo estar muito vaidosa por te teres lembrado de mim quando estavas na Avenida da Liberdade.
Beijos grandes e... de "liberdade" sempre.
vona

melena disse...

viva a Liberdade

la bonne sophie disse...

Eu acho que é dessa sensibilidade, dessa forma de sentir que te vêm uma escrita tão penetrante. Até com a CGTP me vieram as lágrimas aos olhos!Incrível.

delusions disse...

É verdade os nomes das ruas são muito bonitos. Por todo o país eu acho.

A liberdade...

Bjs* boa semana

joaninha disse...

liberdade é bom :)

magarça disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
magarça disse...

A força de uma multidão de vozes unidas... faz estremecer!