quinta-feira, novembro 08, 2007

longe, em aniversário






















(edvard munch, puberty)





" ...and that's the day i knew there was this entire life behind things, and...
this incredibly benevolent force, that wanted me to know there was no reason to be afraid, ever.
(...)
i need to remember...
sometimes there's so much beauty in the world i feel like i can't take it,
like my heart's going to cave in.
"

(do filme american beauty)




..





escrevo neste longe como quem escreve em casa.

tudo me é paz, força e vida
neste momento de tempo.
instante.

toques novos que me levam ao que sou,
me beijam em murmúrio o ouvido,
me acordam de certeza e sorriso.


guardo tudo para que o lembre,
mais tarde,

a este tempo parado

suspenso

em dislumbre
e maravilha

de ser-se humilde


como a vida.

























(bogdan zwir, butterfly)



...


na ausência do toque
do mar
dos outros
(re)escrevo-me.
lembro tudo o que sou
sinto
vivo.


mesmo se longe.
mesmo se aqui.
mesmo se na distância
dorida
de um
qualquer
não-abraço.


..


sei que vivo

viva.



e isso me é tudo.


que a cada passo
a cada gesto
a cada toque de maravilha adormecida
eu seja
sinta
exista
na paz marulhar
de ser verdade na vida.
















(ana nicolau)

22 comentários:

Dalaila disse...

lindo, nana...

com estas palvras tornas-te mais perto do mar, e maravilhas a quem te lê.... e assim me acordas

little_blue_sheep disse...

:*

ps-adorei o post!

Sandrinha disse...

Vens passear comigo de mão dada à beira mar?

Beijo da parabéns

Mar Arável disse...

É bom ter saudades

belas imagens

un dress disse...

saber que se vive viva...

reescrever-se. a si.

do marulhar atento do rumor...







beijO :)

xana disse...

... um beijito... porque nem sempre os sorrisos chegam.

:)

curse of millhaven disse...

lindo como sempre. percebi que é o teu aniversário, mesmo que não seja mando-t um beijinho enorme! :)

~pi disse...

mesmo se longe.
mesmo se aqui.
mesmo se na distância
dorida
de um
qualquer
não-abraço.

.ser

como tu.


:)

Moriae disse...

Parabéns Naná! Lembro-me de ter visto a data do teu aniversário no Imeem. Espero que estejas bem. Estás?
E já agora, dia 12, vais estar com os intermitentes ou andarás por terras de Sua Majestade?
abraço,
M.

InêsN disse...

:*

parabéns, mana :)

Gi disse...

Parabéns minha querida, neste espaço virtual em que o longe se faz perto, estás aqui chegadinha e abraço-te . Neste mundo governado pela máquina, nós humanizamos o espaço. Eu sinto por aqui, as presenças e as ausências.
Se bem depreendi de algo que li por aí, nasceste precisamente no ano da minha filha (fui mãe aos 16). Como mãe que sou deixo-te um beijo ternurento daqueles que só as mães sabem dar. Pode ser?

Resto de noite feliz
Gi

Ad astra disse...

Pois é...o mar....

Parabéns e tudo de bom


Um beijinho

Alecrim disse...

Muitos parabéns!
(És tão linda!...)

O Profeta disse...

Ser, verdade, ser vida...assim és...


Arranquei as cordas à viola
Calei este altivo tambor
Emudeci meu prazenteiro canto
Sou tecelão de sentires no vale do desamor


Bom fim de semana


Mágico beijo

joaninha disse...

Olá! Mudei de casa… http://eraumavez1blog.blogspot.com/!

*Bjinhos*

Girstie disse...

Voltaste! E logo com belos versos. Beijinhos

Atlantys disse...

sei que vivo

viva.



e isso me é tudo.


Gosto especialmente desta passagem! Um abraço e uma beijoka com cheiro de mar =)***

Freyja disse...

me encanto en portugues, para mi es el idioma mas lindo
gracias por tus bellos saludos en Lagrimas en Viajo sola
te dejo mil besitos y una linda semana
que estes muy bien



besos y sueños

magarça disse...

Parabéns, pelo teu aniversário e por estas palavras que me dão um sorriso e coragem. Bjs

bettips disse...

Um late Feliz Dia. Há uma beleza eterna nestas nesgas de luz em negro. Parabéns! Mas lembra: daqui a 20 ou 30 anos, nada será como é. Vive e capta o instante dessa vida nova, HOJE. Bjinho

Rita disse...

Não consegui vir cá ontem!
Ainda assim um abraço enooorme de parabéns, cheio de força e sorrisos e tantas, tantas coisas boas que mereces minha linda!

Rodolfo disse...

linda esta tua praia.
gosto da música que se ouve dentro das conchas daqui.

vivemos
e isto
basta.