terça-feira, setembro 19, 2006

(quase) sem comentarios.

o papa bento XVI, para quem milhões de pessoas em todo o mundo olham com respeito e admiração, saiu-se, questionando o conceito da guerra santa, com uma citação de um imperador bizantino do século XIV, que disse que Maomé só trouxe "maldade" e coisas "desumanas" ao mundo, "como sua ordem para disseminar pela espada a fé que ele pregava".

...


....


sr. papa:

em primeiro lugar, obrigada. era mesmo só do que precisavámos. um bocadinho mais de pressão na panela que já rebentou e há-de rebentar muitas mais vezes.

em segundo lugar,
sr. papa,
TENHA VERGONHA!!!! ja nos basta o arbusto enfezado lá das américas - não precisamos de mais gente tacanha e preconceituosa a governar opiniões e mundos.

por último, deixo-lhe aqui um desenho que me lembrou de si (porque acho que o senhor precisa lembrá-lo)
e que,
sinceramente,
não sei se espero que o ofenda ou não.



















.......

acho que sim. espero mesmo que sim. a si.
e não me admiro que sim.
espero que dê para perceber um pouco. pouco.
porque é nada - nada - como a ofensa, a dor, que o senhor causou.

tenha tino,
aprenda
e não repita a graça, se faz favor!

assinado: uma sua não-seguidora.



ps - sei que ja foi ha um tempinho, mas so agora tive eu esse outro tempinho para aqui vir. e sei que o homem está farto de pedir desculpas e se tentar justificar, mas
um homem na posição dele não pode ter estes "escorregões".

5 comentários:

ALEXIA disse...

Pobre homem, ele não passa de um comum mortal que ao fazer aquele comentário não pensou....que ia causar tanta agitação

terá a direito a perdão? tem direiro a uma segunda oportunidade?

pobre homem

nana disse...

mas como é que pode não ter pensado??? até eu, que não sou de religião nenhuma, me ofendi com tamanha tomada de posição, pública e inconsequente.

é um mortal, sim, mas não comum.
se não, não ocupava o cargo/posição que ocupa.

como mortal, como membro da raça humana - que, quanto a mim, devemos ser antes de qualquer religião - tem de ver mais televisão, e estar mais atento ao que se passa no mundo, VERDADEIRAMENTE, para não cometer novo (e básico) erro.

acredito que se arrependa. mesmo. não queria estar na pele dele.
mas é como diz o outro (algo que nunca me fez tanto sentido como aqui):

" as desculpas não se pedem - evitam-se. "


pobres homens os que, não sendo fundamentalistas nem terroristas, vêem a sua religião, aquilo em que acreditam com fé e vida, atacado uma e outra e outra vezes, um pouco (que não é pouco) por todo o mundo, sem parar.

Rita disse...

Gente burra é o que é!
A igreja católica tem meeeesmo memória muito curta e acima de tudo selectiva...
Irra!

la bonne sophie disse...

Por concordar com o que está escrito no post venho só acrescentar algo, o PAPA recusou-se a pedir desculpas, mais ele depois de toda a polémica resolveu afirmar que"Chove mas somos fortes".
Por favor calem o senhor antes do próximo disparate!

Sophie disse...

Is this man supposed to be John Lennon?

Sophie
x